Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Estamos Sozinhos?

Posso te dizer o que é verdade. Tu formas a tua própria opinião.

Estamos Sozinhos?

Posso te dizer o que é verdade. Tu formas a tua própria opinião.

Depois de muitos anos, percebeu que desperdiçou a sua vida

Moarn Stjer, 23.12.18

Photo by Olia Gozha on Unsplash


Apesar de não ser um tema que abordo no meu blogue, não poderia deixar de falar sobre o assunto depois de ler este artigo do blogue The Hardy Times.


Apesar de ser um texto humorístico, é algo que acontece muito frequentemente com todas as pessoas que se envolvem em demasiado com algo e se esquecem de viver a sua vida.


Neste caso, temos o exemplo de alguém que passou boa parte da sua vida em busca da lendária criatura Sasquatch e que acabou por perceber que foi um desperdício de tempo. Ele refere que aos 45 anos de idade, percebeu que desperdiçou a sua vida, tudo, porque, 30 anos antes, iniciou uma perseguição a algo que pensou ter visto na floresta.


Não é só com este homem que isso acontece, mas, com outras pessoas, que perdem-se em investigação e pesquisas para provarem o que viram ou acreditam, esquecendo-se da sua vida social.


O resultado, não poderia ser de outra forma, senão o de frustração e de um sentimento de perda de vida.


Na minha opinião, como pessoa que se dedica a investigar estes assuntos, é possível conciliar estas coisas, com a nossa vida social, sem entrar na loucura de não haver mais nada à nossa volta sem ser isto. Mais importante do que passar a nossa opinião ou provar a nossa razão, é não perder a nossa insanidade e esquecer que somos seres humanos com necessidades de ter amigos, família e um trabalho.


Podemos ter o nosso hobbie e saber gerir o nosso tempo, mas, não precisamos de largar tudo à procura de criaturas, extraterrestres ou fantasmas, se isso vai prejudicar a nossa vida.


 

4 comentários

Comentar post